Aprenda a tomar decisões sobre o seu dinheiro.

Aprenda a tomar decisões sobre o seu dinheiro.

Ter um controle financeiro pessoal é um costume de poucas pessoas. Os conceitos de organização financeira são pouco utilizados no Brasil, fazendo com que as pessoas não saibam para onde está indo o seu salário e, muito menos, consigam se planejar para a realização de um sonho, como pagar pela educação dos filhos ou ter uma aposentadoria tranquila.

A melhor maneira para conseguir organizar a sua vida financeira se dá pelo equilíbrio das finanças, tendo ciência de seus gastos e se planejando para o cumprimento de metas e objetivos. Mas, o primeiro passo para atingir um nível de maturidade e eficiência na organização financeira advém de um controle de gastos mensais.

Esse controle será extremamente útil para que você e toda sua família possam trilhar o caminho para a realização dos principais sonhos e encontrarem o protagonismo e a melhor versão de cada indivíduo. Sendo assim, veja 5 dicas para melhorar seu controle de gastos mensais e se desenvolver cada vez mais.

1. Anote todos os seus gastos

O primeiro passo para manter o controle de gastos mensais é anotar todos os gastos. Essa é a melhor maneira de identificar quanto e, principalmente, onde você está gastando o seu dinheiro. Trata-se de uma tarefa bem simples, cuja prática esconde um segredo para o seu sucesso.

O ideal é não fazer exceções nas anotações dos gastos — não se esquecer do cafezinho no almoço, a cervejinha depois da pelada com os amigos e, até mesmo, aquele chiclete ou aquela revista que seu filho pediu para você comprar, ao irem juntos à padaria.

Apesar de serem despesas relativamente baixas, a sua somatória pode representar um valor impactante no fim do mês, impedindo que você invista seu dinheiro ou realize uma viagem, por exemplo.

Outra dica de ouro: organize-se para anotar os seus gastos antes de uma atividade relevante, como, por exemplo, o jantar, e não depois. Ao se programar para antes você tem um instrumento valioso para a criação do hábito das anotações. Ao deixar para depois, cria-se mais uma armadilha para o adiamento constante desta importante atividade.

2. Diminua gastos não planejados

Anotar todos os gastos é uma prática que permitirá que você identifique para onde está indo o seu dinheiro e, também, perceba alguns gastos desnecessários. Então, será preciso uma conversa com sua família, estabelecendo limites e apontando as principais prioridades.

É necessário atentar-se para os gastos desnecessários, aqueles que não lhe trazem de volta a plena satisfação, buscando sempre a sua eliminação. Se um item não é imprescindível, ele não deve ser comprado, não é mesmo? Obviamente, existem algumas situações em que podemos nos presentear, mas elas devem ser esporádicas, e não constantes.

Reflita sobre a utilização do cartão de crédito e, principalmente, as consequências de fazê-lo erroneamente. A dica que damos é: planeje o seu uso antes de sair de casa e faça compras sempre à vista. Dessa maneira, será bem mais fácil cortar gastos desnecessários.

A diminuição de gastos não planejados também será extremamente benéfica para os seus investimentos. Será possível contar com uma maior quantia financeira, permitindo que esse valor seja investido, obtendo maior rentabilidade e ficando cada vez mais perto da realização dos sonhos elencados.

3. Estabeleça metas e prioridades

Uma atitude que facilita a realização de um controle de gastos mensais é o estabelecimento de metas e prioridades. Ao definir um motivo para controlar os seus gastos mensais, como uma viagem em família, será mais fácil abrir mão de alguns gastos corriqueiros.

Almoçar fora todos os finais de semana, ir ao parque com as crianças duas vezes por semana, comprar a camisa do seu time de coração no lançamento e tantas outras atitudes podem ser repensadas em prol de um objetivo maior.

Esse tipo de pensamento lhe dará a oportunidade de criar uma reserva de emergência. Imprevistos e acidentes acontecem, mas devemos fazer de tudo para que eles não impactem nos investimentos e prejudiquem seus objetivos.

A criação de uma reserva de emergência será fundamental nesse processo. Se acontecer algum evento inesperado, você poderá utilizar o montante guardado, protegendo os investimentos realizados e permanecendo em busca do caminho a ser traçado.

4. Revise seus costumes

Você já deve ter percebido que todas as dicas que passamos, se seguidas, provocarão uma mudança nos seus atuais hábitos. É extremamente necessário identificar os gastos que são indispensáveis para a manutenção do padrão de vida que sua família conquistou.

É válido ressaltar que uma drástica diminuição do padrão de vida para a realização de um objetivo pode não ser tão vantajosa assim. É preciso revisar seus costumes, buscando ajustá-los à sua nova realidade, mas sem prejudicar os benefícios que você levou tanto tempo para conquistar.

Quando falamos no processo de revisão de costumes, é importante fazer um destaque: ao realizar uma compra, pense sempre no seu valor, na sua importância e no percentual de sua renda que está sendo despendido nessa aquisição. Se o custo for demasiadamente alto, comparado com os benefícios de tal produto, é interessante deixá-lo de lado. Já pensou sobre isto?

5. Utilize uma planilha ou um aplicativo financeiro

A última dica para melhorar o controle de gastos mensais é: utilize uma planilha ou um aplicativo financeiro. Muitas vezes, realizamos algumas compras e nos esquecemos de anotá-las. Com um sistema tecnológico eficiente, esse problema não acontecerá mais.

Um aplicativo financeiro permite que você tenha acesso a todos os seus dados na palma de sua mão, podendo alimentá-los e analisá-los com facilidade e agilidade.

É interessante ressaltar que a ajuda de uma empresa especializada em planejamento financeiro pessoal pode ser de grande valia para que sua família consiga conquistar os objetivos previstos. Existem empresas no mercado que analisam o perfil financeiro e os principais objetivos dos clientes, traçando um plano detalhado para ajudá-lo no alcance de suas metas, tornando-o o protagonista de sua vida.

Além do empoderamento financeiro, a utilização de um aplicativo ajudará o casal a ter uma conversa mais aberta sobre as finanças. Assim, este assunto deixará de ser um tabu e se tornará rotina. Outra vantagem é que o casal, como um todo, terá informações e dados na tela do celular, facilitando ações de economia e corte de gastos.

É possível, também, utilizar esse tipo de tecnologia para começar a educação financeira de seus filhos. Já encontramos no mercado cursos capazes de demonstrar a melhor maneira para ensinar conhecimentos financeiros para as crianças, permitindo que elas participem das principais decisões da família.

O controle de gastos mensais será apenas o primeiro passo para que você e sua família consigam mudar de vida e realizar os principais sonhos. Porém, deve-se destacar que há uma gama de conhecimento a ser adquirido. Este será apenas o pontapé inicial.

E aí, gostou do nosso artigo? Interessou-se pelo assunto? Então, busque por novos conhecimentos — sugerimos começar entendendo o que é um investimento em renda fixa.

Sobre o Autor

André Novaes é empreendedor formado em administração de empresas. Acumula experiência no varejo e mercado financeiro, tendo atuado em empresas como 3M do Brasil, Credit Suisse Hedging Griffo, e Prudential do Brasil. Como empreendedor, a sua jornada começou em 1998, quando montou a sua 1ª empresa, um site de internet que posteriormente foi vendido em 2000. Especialista em planejamento de vida, proteção financeira e investimentos dinâmicos, atua como pesquisador e planejador, professor e palestrante, com a missão de conduzir as pessoas e famílias brasileiras à auto- gestão responsável de sua vida e finanças, reconduzindo a família ao centro do planejamento de vida. Em 2007, André Novaes fundou e atua como CEO da LifeFP™. Em 2016 escreveu o manifesto “Uma Nação em Sua Melhor Versão” e criou a LIFE Academy como a plataforma que planejará a vida milhões de brasileiros e transformará a relação das pessoas com o dinheiro.

POSTS RELACIONADOS



14
jun

Como usar o FGTS de maneira inteligente?

Você sabe usar o FGTS? Suponhamos que você tenha recebido esse valor, seja por motivo de dispensa sem justa causa, ou pelo programa do Governo Federal que cedeu acesso às...
Leia Mais
19
dez

OS 6 PRINCIPAIS ERROS FINANCEIROS QUE RICOS NÃO COMETEM

Você já parou para pensar o que faz dos ricos, ricos? Como é o dia-a-dia deles? São pessoas extravagantes, super dinâmicas e com uma capacidade de ganhar dinheiro inigualável? Claro...
Leia Mais
20
mar

AFINAL, COMO CONQUISTAR A TÃO SONHADA INDEPENDÊNCIA FINANCEIRA?

Quando falamos em independência financeira, duas situações costumam ser lembradas. A primeira é quando o jovem decide sair da casa dos pais para morar sozinho; a outra, que será tema...
Leia Mais

Conheça os cursos online da Life Academy

Últimos Posts

Afinal, o que é resiliência financeira?
17 de novembro de 2017
Planejamento financeiro: saiba como criar uma rotina de organização
13 de novembro de 2017
Perfil de investidor: aprenda como identificar o seu contexto
6 de novembro de 2017
Decisões financeiras: saiba como crescer de forma consciente!
16 de outubro de 2017
Saiba como as decisões financeiras impactam na formação dos filhos
11 de outubro de 2017
Planejamento financeiro pessoal: como se preparar e conseguir realizar sonhos?
6 de outubro de 2017

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!